18 de setembro de 2009

Gustave Flauvert

"Eu não tenho nenhuma coragem, mas procedo com se a tivesse, o que talvez venha a dar o mesmo."

Gustave Flauvert
(escritor francês, 1821-1880)

Citador.pt